Onde estão as respostas?
15 de maio de 2018
VOCÊ EMPREENDENDO
24 de julho de 2018

TENHO SIDO CONGRUENTE? É ISSO QUE ME LIMITA?

 
Hoje quero falar sobre o quanto você tem respeitado sua essência e o quanto tem sido congruente consigo mesmo.
Antes de falar em congruência é bom entender seu significado. Ultimamente temos repetidos frases, palavras sem ao menos entende-las com perfeição, por isso acho muito importante sair do conceito moda apenas- para o conceito - faz sentido para mim.

A palavra congruência significa coesão, harmonia, semelhança ou equivalência de característica, logo o que estou querendo que reflita sobre si é o quanto tenho sido congruente com as coisas que desejo, com as coisas na qual tenho feito. Como está a harmonia dos meus objetivos com as minhas atitudes/ações no hoje. Todos que me acompanham e me conhecem sabem que boa parte do que compartilho seja em conteúdos escritos ou apresentados são vivencias, reflexões, aprendizados e resultados vividos por mim e compartilhados pelos meus clientes, faço isso para trazer autenticidade e realidade para todos. E esses últimos dias tenho me deparado muito com esse assunto: Congruência.

Sabe aquele momento que você para e se observa e parece que tudo que tem feito não está te aproximando de seu objetivo? Sabe aquele momento que você diz que precisa se profissionalizar, mas não tem tempo? Ou até mesmo aquele momento que diz que precisa ter uma vida mais saudável, mas não para de engordar? Aquele momento que diz que precisa se organizar, mas nunca sabe direito o que tem para fazer? Então, todos esses comportamentos acima têm relação com a congruência, ou melhor dizendo, a falta dela. Todos nós temos diversos desejos e vontades, mas nem todos sabem com exatidão o que verdadeiramente desejam para si. Alguns até sabem, mas não tem congruência nas atitudes, sabem mas não agem de acordo com a vontade, as vezes pelo simples fato de desconhecer sua real vontade sobre o tema.

Queridos, precisamos entender que não tem segredo, ou você quer alguma coisa e faz para realizar ou você não quer tanto assim. Minha sugestão é encontre sua real vontade em alcançar determinado objetivo e seja fiel as ações que lhe façam ir ao destino desejado. Caso você não sinta essa real vontade, está tudo bem, nem sempre queremos algo o tempo todo, mas ao se deparar nesse ponto não se torne vítima da sociedade, encarando com crenças que te façam limitar ainda mais, como: nunca consigo, as coisas são difíceis, é tão complicado, não tenho tempo, isso é um problema, entre diversos outros sentimentos. Entenda que é você que não quer tanto assim alcançar esse objetivo, só isso. Respeite a si, respeite suas limitações, se é algo que te incomoda então precisas fazer algo além de reclamar.

Tentar entender o que preciso fazer para evoluir nessa questão é um ótimo início e ser congruente com as ações também.

Congruência e foco andam de mãos dadas e quando você as encontra sua vida terá resultados maravilhosos. Desejo toda congruência à você!
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *